O modelo SaaS

O que é o modelo SaaS (Software as a Service)?

 O SaaS, do Inglês “Software as a Service” (Software como Serviço), é a oferta de um software como serviço, este podendo ser ou não em rede.

O cliente paga pelo serviço (mensalmente, anualmente ou de acordo com o período de tempo acordado) e adquire o direito pelo mesmo. O seu utilizador pode aceder ao serviço através do computador, tablet ou smartphone de forma simples e remota – geralmente pela Internet – e o fornecedor do serviço é responsável por toda a estrutura de entrega, manutenção e suporte da aplicação. Neste modelo, o cliente não compra a licença de um produto, mas o direito de usufruir do serviço consoante os métodos de pagamento estipulados.

Já não é necessário instalar softwares a partir de CD’s nem comprar licenças ou instalar e atualizar softwares como no passado. O modelo SaaS surgiu da necessidade de respostas cada vez mais rápidas e imediatas no dia a dia, de forma a solucionar este tipo de processos lentos e dispendiosos.

Num SaaS, o utilizador apenas precisa de fazer o login num dispositivo com acesso à internet e toda a sua informação estará guarda na nuvem.

Por exemplo, se já utilizou um serviço de e-mail baseado na Web (como o Hotmail ou o Outlook) ou plataformas como a Netflix, Spotify, Dropbox, Paypal, entre outras, então já utilizou uma forma de SaaS.

Desta forma, este modelo apresenta várias vantagens para o cliente, mas também para o fornecedor do serviço:

Custos reduzidos – a nível financeiro, mas, também, em tempo economizado;

Facilidade de implementação – não exige que o cliente tenha conhecimentos especializados em Tecnologias de Informação (TI) pois a maioria dos softwares são user friendly;

Escalabilidade e Flexibilidade – as soluções adaptam-se ao contexto e preferências do utilizador

Integração com outros sistemas já existentes – se uma empresa/ cliente já possuir algum software, o SaaS permite a sua fácil integração;

Acessibilidade – funciona através de qualquer dispositivo, 24h por dia, 7 dias por semana;

Maior personalização – permite adaptar todas as soluções à medida do cliente;

Controlo de qualidade – garante um maior controlo na qualidade do serviço;

Recuperação de perdas de dados – os dados armazenados na cloud garantem uma maior segurança no caso de perda de dados;

Atualizações de software automáticas – o fornecedor do serviço garante as atualizações do mesmo, sendo que o cliente final não necessita de fazer nenhuma atualização manualmente.

Com o modelo SaaS, todos ficam a ganhar. A IOTech pauta por acompanhar sempre a inovação tecnológica e, naturalmente, todos os nossos projetos da são desenvolvidos como SaaS. Gostamos de fazer tudo à medida do cliente, de acordo com as suas preferências e necessidades.

Alguns dos exemplos de projetos da IOTech que foram desenvolvidos como SaaS são:

  • ioAttend – Plataforma online de marcação de presenças
  • IoCovid – Plataforma de apoio à decisão clínica
  • Horto Jardim das Oliveiras – Como resultado deste serviço, foram produzidas etiquetas de catalogação e código de barras
  • ToBeGreen – Plataforma de economia circular

Se estiver interessado/a em ter uma solução deste género para o seu negócio, contacte-nos através do e-mail iobusiness@iotech.pt

0 0 votes
Article Rating
Inscreva-se
Notificar sobre
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments